Cuide dos seus ouvidos e evite a perda da audição“. Esse é o melhor conselho que você vai receber hoje. Nunca tinha pensado nisso? Leia nossas dicas e descubra como prolongar a vida útil dos seus ouvidos por muito tempo (especialmente se você for músico, dj ou produtor musical).

Alguma vez ouviu um zumbido irritante na orelha depois de uma festa? Se a resposta for sim, então você sofreu de perda temporária de audição.

Muito provavelmente seu ouvido ficará recuperado, mas este abuso prolongado pode levar a problemas muito mais sérios – incluindo perda auditiva severa e o fim de sua carreira.

Felizmente existem três coisas simples que você pode fazer para salvar seus ouvidos, sem alterar a maneira como você discoteca.

As dicas foram proporcionadas por Johannes Krämer, engenheiro de som pessoal de uma das figuras mais icônicas do Techno, Richie Hawtin. Johannes tem mais de 20 anos de experiência, trabalhando com diversas bandas e Djs. Confira as dicas a seguir:

Evite beber enquanto discoteca

Esta é uma dica que soa meio “estraga-prazeres”, mas realmente é um fato. O álcool tende a alterar a maneira que você percebe o som, principalmente em grandes quantidades. É muito simples, quando bêbado, seus ouvidos ficam menos sensíveis ao nível de pressão sonora.

isso faz com que você fique exposto por mais tempo em ambientes com volume muito alto, sem perceber com a mesma facilidade os sintomas da fadiga auditiva.

Enquanto o conceito de “cocktail deafness”, ou em uma tradução livre “coquetel de surdez”, já é antigo, existe uma boa quantia de evidências médicas que suportam a tese de que quanto mais inebriado estamos, mais perdemos nossa capacidade auditiva, naturalmente aumentamos o volume para compensar.

Reduza o volume dos retornos entre as mixes

Para a maioria dos DJs os danos causados aos ouvidos não vem do som alto. Na verdade é o tempo de exposição à esses volumes elevados que danifica a audição.

Uma boa dica é reduzir o volume dos retornos entre as mixes, desta forma seus ouvidos têm certo tempo para que possam descansar e se recuperar.

A ciência: Mantendo os retornos com o volume alto o tempo todo, fará com que seu ouvido seja exposto a uma quantia não segura de ruído, mas alternando entre momentos de maior e menor volume, permitirá que ele tenha um fôlego durante o set.

Use um medidor de ruído externo

Uma vez exposto ao ruído elevado por um tempo, o cérebro encontra grande dificuldade de julgar o que é efetivamente alto.

Isso tende a piorar com o tempo, conforme a exposição se prolonga durante o set. Portanto, sem uma ferramenta adequada que faça esta medição, fica praticamente impossível checar o volume de forma precisa.

“Eu recomendo que Richie use seus retornos nos seguintes níveis enquanto mixa:
100 dB em um evento Open Air (ao ar livre)
103 dB em um club com teto baixo
106 dB se as reflexões são realmente muito ruins
Então, depois de equalizar e mixar, eu recomendo reduzir o volume dos monitores para 90 dB

Se você acha meio complicado transportar uma ferramenta tão avançada, como os medidores de volume profissionais para a cabine, existem outras soluções mais baratas e simples que podem ser usadas. Alguns aplicativos para celular conseguem desempenhar com qualidade o mesmo papel que os medidores externos, um exemplo, é o SPL Meter by Studio 6 para iOS, custando apenas 0.99 dólares.

Dica extra

Procure descansar seus ouvidos antes e depois de tocar, saindo do club, por exemplo, para tomar um ar por alguns minutos. Ou ainda, existem fones de ouvido especiais in-ear (dentro da orelha) com um sistema que reduz o ruído em 10, 15 ou até mesmo 20dB, sem alterar a maneira como ouvimos. Eles ainda são um tanto quanto caros, mas podem ser a salvação dos seus ouvidos, principalmente se você vive a rotina de DJ, promoter, cluber, músico, produtor musical, etc.

Quer descobrir outras dicas bacanas?

Aprenda mais